Sábado, 05 de Março de 2011

Uma folha, uma verde folha

Esta linda chuva molha

Ignoro-a, tenho pressa

Tenho de cumprir a promessa

 

Uma rosa floresce

Enquanto amanhece

Ignoro-a, tenho pressa

Tenho de cumprir a promessa

 

A luz solar

Reflecte-se no mar

Ignoro-a, tenho pressa

Tenho de cumprir a promessa

 

Tenho a agenda ocupada

Tenho uma tarefa marcada

Ignoro-a, tenho pressa

Tenho de cumprir a promessa

 

As pessoas chamam,

Empurram, falam,

Ignoro-as, tenho pressa

Tenho de cumprir a promessa

 

Promessa de te encontrar

Promessa de te proteger

Promessa de te sorrir

Promessa de te seguir

Promessa de te querer

Promessa de te amar

 

 

 

José Nuno Macedo

10.ºC



donos das palavras pratadanossacasa às 21:29
Ainda dizem que os testes de Português não inspiram :)

Parabéns Zé.
pratadanossacasa a 5 de Março de 2011 às 21:31

Zé, o poema está espectacular, continua!
Muitos parabéns!
Anónimo a 5 de Março de 2011 às 22:59

Esta é a nossa casa. A prata que lá temos são meninos, não de prata mas de ouro...
Colégio Dom Diogo de Sousa

Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
29
30
31


Baú de escritos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO